INÁCIO DE LOYOLA EXERCITA O HOMEM MODERNO

Autores

  • Luz Stella Angarita Palencia

DOI:

https://doi.org/10.20911/21768757v46n130p433/2014

Palavras-chave:

Inácio de Loyola, Narração, Metodologia espiritual, Barroco, Modernidade.

Resumo

O texto trata sobre como o entorno do contexto de Inácio de Loyola constrói a arquitetura narrativa dos Exercícios Espirituais, convertendo-se em uma aposta pela indagação interna que respalda a experiência espiritual do indivíduo, portador da nova concepção espiritual do homem moderno. O fato de que sua produção se feche no século XVI não implica anacronismo algum na atualidade, ao contrário, o grande achado de Inácio se centra em que a metodologia que os sustenta surgiu durante um período em que o homem, produto da modernidade que se preparava, começou a esboçar fortes traços seculares, peça chave para Loyola na preservação da espiritualidade do indivíduo. E para consegui-lo dispôs-se a acionar diferentes legados renascentistas e medievais (genéricos, topográficos, culturais, etc.) dentro de um espaço pessoal, convertendo esses precedentes instrutores da vida de Loyola no maior ganho que pretende ressaltar este trabalho, ao realizar a leitura da narração literária do indivíduo a partir de sua particularidade barroca. Ela se erige como semente da experiência nos Exercícios Espirituais, e ao mesmo tempo como desafio narrativo que produz no indivíduo a compreensão contextual de seu entorno interno e externo, que logo será objeto de discernimento.

ABSTRACT: The text is about how the surrounding context of Ignatius of Loyola constructs the narrative architecture of the Spiritual Exercises, becoming a bet by the internal inquiry that supports the spiritual experience of the individual, carrier of the new spiritual conception of modern man. The fact that its production closes in the 16th century does not imply any anachronism today, on the contrary, the great discovery of Ignatius focuses on the methodology which supports it arose during a period in which man, a product of modernity which was preparing itself, began sketching strong secular traits, a key for Loyola in the preservation of the individual's spirituality. And to get it arranged to trigger different Renaissance and medieval legacies (generics, topographical, cultural, etc.) within a personal pace, converting these instructors' precedents of the life of Loyola in the greatest gain that intends to highlight this work, while accomplishing the reading of the literary narration of the individual from its unique Baroque style. It erects as a seed of experience in the Spiritual Exercises, and at the same time as a narrative challenge that produces in the individual the contextual understanding of its internal and external environment, which soon will be the object of discernment.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2014-01-01

Como Citar

PALENCIA, Luz Stella Angarita. INÁCIO DE LOYOLA EXERCITA O HOMEM MODERNO. Perspectiva Teológica, [S. l.], v. 46, n. 130, p. 433, 2014. DOI: 10.20911/21768757v46n130p433/2014. Disponível em: https://www.faje.edu.br/periodicos/index.php/perspectiva/article/view/2970. Acesso em: 20 jun. 2024.