CONFLITOS ÉTICOS E MAGISTÉRIO DA IGREJA

Autores

  • Eduardo López Azpitarte

DOI:

https://doi.org/10.20911/21768757v44n124p353/2012

Palavras-chave:

Autoridade, Magistério, Moral, Consciência, Diálogo.

Resumo

O magistério da Igreja tem a responsabilidade de ensinar e zelar pelo bem dos membros da comunidade eclesial. No campo da teologia moral, historicamente tem havido tensões e dissensos entre a autoridade eclesiástica e teólogos e cristãos que desejam se explicitem as razões das normas que lhe são impostas. Posições diversas sobre que esta questão mostram, entre outras urgências, a necessidade de se passar da submissão à palavra da autoridade, por medo, para a autonomia respeitosa que inclui a racionalidade das normas morais. Do contrário, se caminharia para a formação de uma consciência autoritária. Na busca de crescimento nessas relações os cristãos que ousam manifestar seu dissentimento ante o magistério contribuem para o avanço da formulação da doutrina moral católica. No processo vital da experiência eclesial, as tensões nascidas do esforço do desejo de compreensão racional da moral podem ajudar tanto o magistério quanto os teólogos no exercício das respectivas funções, por meio do diálogo verdadeiro.

ABSTRACT: The Magisterium of the Church has a responsibility to teach and care for the good of the members of the Church community. In the field of moral theology, historically there has been tension and dissent among the ecclesiastical authority and theologians and Christians who want to more clearly define the reasons of the standards that are imposed. Diverse positions on this issue show, among other urgencies, the need to move from the submission to the word of authority, out of fear, to respectful autonomy that includes the rationality of moral norms. Otherwise, the tendency would be toward the formation of an authoritarian consciousness. In search of growth in these relationships the Christians who dare to express their voice against teaching contribute to the advancement of formulation of Catholic moral doctrine. In the vital process of ecclesial experience, the tensions born of the effort in the desire of rational understanding of morality can help both the Magisterium and the theologians in the performance of their respective duties, by means of truthful dialogue.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-01-01

Como Citar

AZPITARTE, E. L. CONFLITOS ÉTICOS E MAGISTÉRIO DA IGREJA. Perspectiva Teológica, [S. l.], v. 44, n. 124, p. 353, 2012. DOI: 10.20911/21768757v44n124p353/2012. Disponível em: https://www.faje.edu.br/periodicos/index.php/perspectiva/article/view/2712. Acesso em: 3 out. 2022.