EM TORNO DO CONCEITO DE ARTE DE THEODOR ADORNO: ECOS DA DIALÉTICA DO ESCLARECIMENTO NA TEORIA ESTÉTICA

Autores

  • Sara Juliana Pozzer da Silveira Universidade Federal de Mato Grosso

DOI:

https://doi.org/10.20911/21769389v49n154p347/2022

Resumo

O presente trabalho procura mostrar que apesar das imensas diferenças entre as obras Dialética do Esclarecimento e Teoria Estética, a sofisticada concepção de arte de Theodor Adorno na Teoria Estética deve muito à Dialética do Esclarecimento, ou seja, se realiza a partir de pressupostos desenvolvidos nessa. Por exemplo, um dos pressupostos fundamentais da Dialética do Esclarecimento é que a origem da arte foi o resultado da separação entre a práxis mimética, situada na pré-história, e a práxis cujo núcleo central é o esclarecimento como domínio da natureza, situada na história. Essa dicotomia não foi abandonada na Teoria Estética, ao contrário, essa obra utiliza dessa separação para desenvolver seus principais conceitos.

Downloads

Publicado

2022-09-01

Edição

Seção

Artigos