A cooperação equitativa em John Rawls: uma concepção ético-política como teoria da justiça

Autores

  • Luana Soares Ferreira Cruz

Resumo

O presente artigo que ora se apresenta busca analisar a viabilidade de aplicação da Teoria Política de Justiça como Equidade, do filósofo e professor norte-americano John Rawls, como alternativa para a construção de um ambiente social, ético, político e jurídico, que vise a promoção efetiva e completa da realização humana . Buscou-se para tanto, o aprofundamento conceitual do autor acerca da Cooperação Social entre indivíduos livres e iguais, a partir de uma inter-relação dialógica entre este conceito e o texto “Ética e Justiça: Filosofia do Agir Humano” do padre jesuíta, filósofo e humanista brasileiro, Henrique Cláudio de Lima Vaz. Neste sentido, a vertente metodológica adotada foi a jurídico- sociológica, enquanto no raciocínio desenvolvido, optou-se, predominantemente, pelo tipo dialético.

Downloads

Publicado

2020-12-09