O Íon de Platão sob o prisma de Heidegger e de Gadamer

Autores

  • Rodrigo Otávio Gonçalves e Silva

Resumo

O presente artigo refere-se a uma síntese sobre a leitura feita por Heidegger do Íon de Platão, focalizando o uso que o mesmo fez de determinadas passagens deste texto, das quais irá se servir como mote inicial para a elaboração de sua hermenêutica da facticidade, de marcante influência na Filosofia Contemporânea, seguida entre outros por Gadamer, em suas linhas principais, que se distancia do primeiro, porém, na leitura que realizou dos diálogos platônicos.

Downloads

Publicado

2019-02-21